Discursos, Seminários e Palestras

Homenagem Prestada pela Associação das Firmas Empreiteiras do Brasil

Desejamos, Inicialmente, agradecer esta homenagem que muito nos sensibiliza, principalmente porque ela se constitui em uma iniciativa da Associação que representa a classe das Firmas Empreiteiras do País.

Queremos lembrar que iniciamos a nossa vida pública, ainda como estudante de Engenharia, praticamente ao lado dos empreiteiros do Estado. Acompanhando a construção da Avenida Brasil nos trechos Realengo - Padre Miguel - Campo Grande, pudemos, na nossa primeira missão fiscalizadora, sentir de perto toda a gama de dificuldades que os empreiteiros de obras públicas têm a enfrentar, quer pela sua grandiosidade, quer pelos prazos, sempre apertados, quer pela enorme responsabilidade dos empreendimentos.

Uma dessas dificuldades, que consideramos das mais expressivas, é o estabelecimento de valores irreais; em termos de preço, para as obras públicas contratadas.

Na nossa gestão, à frente da Secretaria de Obras Públicas, fomos forçados a rescindir contratos relativos a obras de enorme interesse público, simplesmente porque se tornou impossível ou inviável concluí-Ias, em face, unicamente, dos preços básicos fixados para elas, sem apoio na realidade. Isto, a nosso ver, é uma irresponsabilidade.

A nossa filosofia no particular se funda no princípio de que precisamos de obras concluídas, dentro dos prazos previstos, para satisfazer necessidades públicas, bem definidas e programadas; para tanto, em contra-prestação, temos que pagar o preço justo.

Por assim compreender o problema, o atual Governo do Estado, por meio da Secretaria de Obras Públicas, adotou uma série de medidas, dentre as quais se destaca a fixação do preço médio, para evitar os abusos e irresponsabilidades a que nos referimos.

Outra providência do Governo Estadual já posta em vigor neste exercício - consistiu na liberação de todas as verbas destinadas a ocorrer despesas com obras públicas, a partir de 1º de janeiro, em curso, portanto, com três meses de antecedência em relação aos anos anteriores. É um procedimento que o Governo pretende seja adotado como regra, a partir deste ano.

De nossa parte, reafirmando o sentimento de profunda compreensão com respeito a todos os problemas que enfrenta o bravo e competente empreiteiro do País, em especial o da Guanabara, bem como com relação à sua exata posição, no nosso contexto político, social e tecnológico, queremos dizer que, na Secretaria de Obras Públicas, estaremos sempre de braços abertos para prestigiar a todos quantos, pelo seu modo de proceder, como cidadãos e profissionais, souberam honrar a sua classe, contribuindo, assim, para ajudar, de maneira decisiva, a tarefa do Governo de bem servir à causa pública.

Discurso, em novembro de 1974.

Grandes obras

  • Estadio do Maracana

  • Emissario Submarino Ipanema

  • Guandu

  • Infraestrutura - Sao Conrado e Barra

  • Lagoa Rodrigo de Freitas

  • Viaduto Paulo de Frontin

  • Elevado da Perimetral

  • Praias de Ipanema e Leblon

  • Nova Lapa

  • Escolas Publicas