Discursos, Seminários e Palestras

Implantação da Ampliação do Sistema Guandu e Início das Obras da Adutora da Baixada Fluminense

Adutora da Baixada Fluminense
Visita do Secretário Emílio Ibrahim e do Presidente da CEDAE, José Carlos Vieira, às obras da Adutora da Baixada Fluminense.

Em fevereiro de 1975, inauguramos, neste mesmo local, a duplicação do Sistema Guandu e o reparo do desmoronamento ocorrido no Lote 2, em 1966, verdadeiro desafio que então nos foi imposto e que enfrentamos, passados cerca de 6 anos da ocorrência.

Hoje, Senhor Governador, com seu decidido apoio, e dentro das diretrizes traçadas pelo Governo de V. Exa., aqui estamos, diante de desafio semelhante que consiste na nova duplicação do Sistema de Produção do Guandu e na implantação da Adutora da Baixada Fluminense. Este empreendimento, que está tendo início, neste momento, marcará o fim dos eternos reclamos de uma população estimada em 2 milhões e meio de habitantes, beneficiando diretamente os Municípios de Nova Iguaçu, Nilópolis, São João de Meriti e Duque de Caxias, além de permitir a expansão do Sistema de Abastecimento de Água do Município do Rio de Janeiro.

Esta grande obra, que será executada em 36 meses, consiste, tecnicamente, na captação e adução de água bruta, com a extensão de 3 quilômetros e meio e na ampliação da Estação de Tratamento, que passará de 24 m3/seg a 40 m3/seg, praticamente duplicando a produção de água tratada. Isoladamente, será a maior Estação de Tratamento do País.

Dentro deste grandioso complexo de obras, insere-se a Adutora da Baixada Fluminense que, com os seus 55 quilômetros de extensão, partindo daqui e indo até Campos Elíseos, no extremo do Município de Duque de Caxias, cruzando a Rio - Petrópolis, levará 550 milhões de litros/dia a uma população tão carente de abastecimento de água.

Programou-se, também, paralelamente, a execução de uma rede de distribuição, com extensão aproximada de 400 km, para tornar efetivo o abastecimento de água da Baixada Fluminense.

Mas, não é só o abastecimento de água que se anuncia como benefício de porte para a Baixada Fluminense. A Secretaria de Estado de Obras e Serviços Públicos, por meio da CEDAE, em consonância com as metas do PLANASA, estabeleceu as diretrizes básicas para a implantação da rede de esgotamento sanitário que abrangerá os Municípios de Nova Iguaçu, Duque de Caxias e São João de Meriti. Esta rede receberá efluentes das fossas residenciais a serem instaladas, eliminando-se os canais de esgoto, verdadeiras valas que se desenvolvem ao longo dos logradouros, às portas das residências.

Ainda no setor de abastecimento de água, valemo-nos da oportunidade para participar que está, também nos planos da Secretaria de Estado de Obras e Serviços Públicos, a construção da Subadutora da Barra da Tijuca que, com 10 km de extensão, irá trazer a esperada solução definitiva, em termos de abastecimento de água, àquela região, tão importante para o desenvolvimento da Cidade do Rio de Janeiro, beneficiando cerca de 500.000 habitantes.

Tanto a rede de Esgotamento Sanitário da Baixada Fluminense como a Subatutora da Barra da Tijuca contarão com o apoio do Ministério do Interior, por intermédio do BNH, devendo o contrato de financiamento ser assinado dentro de breves dias.

Ao eminente Ministro Mário Andreazza e ao ilustre Presidente do BNH, José Lopes de Oliveira, que nos honram com as suas presenças, manifestamos os nossos calorosos agradecimentos pela participação que tiveram na constituição do suporte financeiro desta obra, cujo valor está calculado em 3 bilhões e meio de cruzeiros - o maior financiamento até hoje concedido pelo BNH ao Estado do Rio de Janeiro. Desejamos deixar consignada a nossa certeza de que se trata de uma aplicação, das mais significativas, em empreendimento do maior alcance social. É, também, uma prova de grande confiança no Governo Chagas Freitas cuja filosofia de administração tem-se manifestado sempre em realizações que visam promover o bem-estar social, sobretudo das populações mais carentes, por meio de obras no campo do saneamento básico.

Os votos que neste instante formulamos são os de que os responsáveis pelos destinos das várias esferas de Governo continuem, dentro deste espírito de interação, conjugando esforços para enfrentar e resolver os desafios futuros de empreendimentos de igual ou maior envergadura.

Finalizando, desejamos agradecer a todos os que aqui compareceram para prestigiar esta solenidade.

Discurso, em 31 de agosto de 1979.

Grandes obras

  • Estadio do Maracana

  • Emissario Submarino Ipanema

  • Guandu

  • Agua - Sao Conrado e Barra

  • Lagoa Rodrigo de Freitas

  • Viaduto Paulo de Frontin

  • Elevado da Perimetral

  • Praias de Ipanema e Leblon

  • Nova Lapa

  • Escolas Publicas